sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Neve no Minho

Gui você não está bem a ver, eu hoje vi nevar flocos lindos de algodão gelado.

Filmei com o telemóvel mas não dá bem pra ver, depois mando-te por mail a filmagem. Ainda não fui ver nas serras. Como estamos perto do rio é dos últimos locais onde a neve se acumula, mas se continuar assim ainda pode ser que Ponte de Lima fique igual às imagens que te vou mostrar que retirei deste site, http://jn.sapo.pt/Multimedia/Galeria.aspx















Vem agora vem, que eu queria ver-te com temperaturas abaixo de zero. Não havia ceroula que te salvasse ihihihhihihihi

Vem que eu vou prós trópicos agora.

Mas tenho que confessar foi lindooooooooooooooo, nunca tinha visto :)

Gostava muito que nevasse aqui no centro de Ponte de Lima. A última vez, que tenho registos fotográficos, foi em 1987 era eu pequenina e recordo-me de a escola fechar e ter fotos nos jardins da câmara ao pé do nosso belo coreto.

Beijos e dá um mergulho na praia pro mim por favor!

9 comentários:

O ovo estrelado disse...

...nunca tinhas visto!?..à dois anos nevou aqui na kapital!Mas olha que nas serras ai em redor é vulgar nevar no inverno...talvez o facto de Ponte ficar a um altitude próxima do nível do mar justifique isso!...mas realmente hoje estava um dia deslumbrane aí...choviam pétalas de alegria do céu!

ALFF disse...

Não, já tinho ido à serra como conto ir amanhã de manhã à Boalhosa já que vou lá almoçar numa freguesia relativamente perto e ver. Mas cair assim algodão do céu como vi hoje nunca tinha visto. Só visto era eu e outros colegas Professores em delírio com aquilo, porque foi exactamente na hora do intervalo das 10 da manhã. Eu normalmente fico na sala, a não ser que tenha que trocar de sala ou algum assunto para resolver. Alguns dos alunos ficam comigo porque felizmente temos aquecimento na escola e estão melhor comigo lá dentro que vir para o frio. Fomos todos para a janela, alguns vieram cá para fora sentir aquilo na pele. Giro foi mesmo engraçado. Eu nestas coisas sou pior que eles. Sinto-me sempre muito pequenina nestas alturas graças a Deus :)

Amanhã pelas temperaturas conto ter fotos daqui e irei disponibiliza-las para matares saudades.

Nota: hoje estive sozinha com o teu tio mas não tive coragem de perguntar nada, não pareço mas sou tímida :) vai que não é ele?!

Abraços Tony

O ovo estrelado disse...

..ah! Boalhosa!! acreditas que nunca fui lá, deve ser pelo facto de ficar no fim do mundo!...quando era pequeno, via a Boalhosa como um lugar lá no alto, muito longe. Só ouvia as estórias animadas que se contavam, e que estórias! A minha casa fica mesmo em frente à Queijada e lá ao fundo como podes ver na foto do outro dia no meu blog vê-se a Armada. Um dia num verão qualquer fui lá a uma dessas festas de emigrantes...estava um frio de rachar, de tal forma que os carros estavam cheios de gelo (em pleno Agosto!!). Outro lugar que me fascinava desde petiz era a capela do São Lourenço. Este ano gostava de ir visitar o Santuário da Senhora do Minho lá em cima na serra que hoje pintou-se de branco. Barcelos, Melgaço e Caminha são os meus próximos destinos, que não consegui visitar este ano pois a agenda estava cheia!!Todos os anos reservo um dia a dois para fazer turismo. Esta ano andámos por outras paragens...mais a sul. Na Páscoa nunca dá pois a cruz passa lá em casa sempre de manhã, depois é só familia. Na Páscoa passada só estive eu e a minha pequena para abrir a casa, que diga-se, estava apinhada de gente como d'habitude!Eu não me importo de atravessar "oceans of time" para disfrutar daquele momento. Mas tenho sempre que andar a contra relógio entre uma e outra terra! Tímida!?!nã! não acredito!uma minhota tímida there's no such thing!...tio meu tem o dom da palavra e a inteligência da escrita! Eu sou um mero aprendiz e ele o artesão.

té jazz!


"Abaixa-te, Oh! Serra d’Arga / Q’eu quero ver S. Lourenço / Quero ver o meu amor / Acenar-me com o lenço..."

Cantiga popular

Guilherme Faro disse...

Aninhaaaaaaaaaaa! Adorei as fotos! Neve é linda! Eu adoro neve, apesar de não nevar aqui. Mas vivi alguns anos onde a neve era a principal atração. É lindo, mesmo!
Recebi seu torpedo, mas a operadora está com "dificuldades" de enviar. Assim que voltar ao normal, te mando.
VAMOS TROCAR DE PAISES????
haahhhaha
beijo

ALFF disse...

Bem a curiosidade de ver o teu retrato começa a aguçar-me o espírito. Sabes uma coisa que eu adoro! É ir à capela de S. Lourenço de tractor com a malta toda. Parece rídiculo, mas de vez em quando em Gondufe que é a tal freguesia que te falava ir almoçar amanhã, onde tenho raízes, no verão juntamo-nos todos na casa de uma tia e pela festa de S. Lourenço ou num outro domingo qualquer lá se convencem a ir até lá ver as vistas. Que da última vez que lá fui, via-se uma casa fenomenal que certamente não é de ninguém que viva por lá.
Aquilo é óptimo para mandar uns belos gritos e respirar fundo no fim :)
Tem uma vista fenomenal.
A Sra do Minho não sei como está que também não vou lá há uns anitos, mas adoro a imagem, aliás tenho uma em casa, acho das mais bonitas por ser tão alegre todo o seu traje.

Quanto à minha timidez, é verdade nesse aspecto não é de todo verdade, mas talvez por ele ser como tu acabaste de descrever acho que se ia rir sei lá, por todas estas coincidências engraçadas. Ele é ibrante nas críticas, aliás anda tão farto que por vezes é mordaz, mas nunca consigo perceber bem onde é que ele usa o tom de crítica mordaz e feroz, replecta de raiva e a sua ironia que é um máximo. É que por vezes ele diz coisas sérias e está a brincar, mas como estou pouco com ele ainda não consegui descortinar onde começa a ironia e a verdade das suas críticas. Não me meto com feras :)
Já tem muito tacto, mas é mais mesmo pelo caricato, até porque por vezes as pessoas deturpam o que eu digo e não quero ser mal interpretada, por andar em comunicação contigo, provavelmente mais que com ele :)

Até samba! Estou mais nesse ritmo ;)

ALFF disse...

Se quisesses trocar carioca já tinhas vindo :)

Eu gostava mesmo de te ver por cá estes dias, não havia protector de orelhas que te salvasse, ou nariz de peluche, ou ceroula ou lá o que vocês trazem engraçado para se proteger quando dizem que amam o frio (boca para você claro) minha tia e prima (eu acho) é das minhas e não há nada que pague o sol e a praia por muito bonito que isto fique assim coberto de neve.

Guilherme Faro disse...

"Se quisesses trocar carioca já tinhas vindo :)"

Aninhaaaaaaaa.. haahahahah você sabe que não é tão simples assim. Escolhi uma profissão que só posso exercer aqui no Brasil. Mas VOCÊ, sim, se quisesse vir, já teria vindo ha tempos.
beijo

Guilherme Faro disse...

Falando nisso, Aninhaaaaaaa, darei o mergulho na praia de Ipanema (ou prefere Copacabana?) hoje, em sua homenagem, tá? ahahhahaahhah
beijo

ALFF disse...

Cara eu sei, mas eu tenho um PAI e uma MÃE que não querem sair daqui e como você sabe são uns caras bem bacanas que eu amoooooooooooooooo. E não suportaria ter um Atlântico a separar-nos.

Já agora se poderes dá um mergulho em cada uma delas que nós estivemos. Como tu sabes eu tenho no meu quarto um placar cheio de fotos, em que uma delas sou eu e a minha bela prima Lele na ilha grande, com aquela água translucida em que a gente foi naquele barquinho básico com um negrão todo pró happy style, né prima?

Quero novidades por mail dessa nova promotora do sucesso do Rio de Janeiro. Morro de saudades! Minha Titia morria aqui neste momento, hoje cheguei a casa eram umas 04h da madrugada, eu e a minha amiga Ju fomos jantar à casa de outros amigos na Póvoa do Varzim (aquele local onde vocês dormiram de gorro e casacão) e quando chegamos a minha rua era um manto de cristais. Agora mesmo aqui do meu quarto vejo os telhados dos meus vizinhos brancos.

Ah só uma coisa, ontem fomos almoçar na casa de São e do Zé e estivemos a recordar quando vocês encontraram o Zeca que até fiquei emocionada só de lembrar tudo de bom que isso trouxe (a tia São prometeu procurar umas cartas que ela acha que tem ainda das que o tio João enviava para avó), a falar do seu sogro e tentar fazer a árvore Geneológica da família que existem várias lacunas. Eu ando a tentar fazer isso e o tio Zé tem uma memória fenomenal. Eu vou fazer uns registos quer do lado da minha mãe quer do lado pai pois de repente, não te sei explicar mas senti uma enorme curiosidade de saber tudo das minhas origens. Ou melhor eu acho que você sabe.... Temos muito assunto para ter face to face :)

Beijosssssssssss Gelados!

Ai que saudades dos gelados brasileirossssss, dos chocolates brasileiros, do feijão brasileirooo, da caipirinha.......... Ah de todossssss, tamos mesmo a tentar ir aí na próxima passagem do ano eu e a Joana, portanto nos aguardem, já andamos a ensaiar ihihihhi