sábado, 28 de fevereiro de 2009

O corpo feminino visto por Paulo Coelho

Se já gostava de Paulo Coelho, este é mais um dos seus belos textos :)
Sinto a cada dia que apesar de o facto de ser Mulher ainda é impeditivo de algumas regalias, tenho cada vez mais imenso orgulho de ser Mulher.

Aqui fica então o texto sobre o corpo feminino visto por um Homem chamado Paulo Coelho:

Não importa o quanto pesa. É fascinante tocar, abraçar e acariciar o corpo de uma mulher. Saber seu peso não nos proporciona nenhuma emoção.
Não temos a menor ideia de qual seja seu manequim. Nossa avaliação é visual, isso quer dizer, se tem forma de guitarra... está bem. Não nos importa quanto medem em centímetros - é uma questão de proporções, não de medidas.
As proporções ideais do corpo de uma mulher são: curvilíneas, cheiinhas, femininas...
Essa classe de corpo que, sem dúvida, se nota numa fracção de segundo. As magrinhas que desfilam nas passarelas, seguem a tendência desenhada por estilistas que, diga-se de passagem, são todos gays e odeiam as mulheres e com elas competem. Suas modas são rectas e sem formas e agridem o corpo que eles odeiam porque não podem tê-los.
Não há beleza mais irresistível na mulher do que a feminilidade e a doçura. A elegância e o bom trato são equivalentes a mil viagras.
A maquilhagem foi inventada para que as mulheres a usem. Usem! Para andar de cara lavada, basta a nossa. Os cabelos, quanto mais tratados, melhor.
As saias foram inventadas para mostrar suas magníficas pernas... Porque razão as cobrem com calças longas? Para que as confundam connosco? Uma onda é uma onda, as cadeiras são cadeiras e pronto. Se a natureza lhes deu estas formas curvilíneas, foi por alguma razão e eu reitero: nós gostamos assim. Ocultar essas formas, é como ter o melhor sofá embalado no sótão.
É essa a lei da natureza... que todo aquele que se casa com uma modelo magra, anoréxica, bulímica e nervosa logo procura uma amante cheiinha, simpática, tranquila e cheia de saúde.
Entendam de uma vez! Tratem de agradar a nós e não a vocês. Porque, nunca terão uma referência objectiva, do quanto são lindas, dita por uma mulher. Nenhuma mulher vai reconhecer jamais, diante de um homem, com sinceridade, que outra mulher é linda.
As jovens são lindas... mas as de 40 para cima, são verdadeiros pratos fortes. Por tantas delas somos capazes de atravessar o atlântico a nado. O corpo muda... cresce. Não podem pensar, sem ficarem psicóticas que podem entrar no mesmo vestido que usavam aos 18. Entretanto uma mulher de 45, na qual entre na roupa que usou aos 18 anos, ou tem problemas de desenvolvimento ou está se auto-destruindo.
Nós gostamos das mulheres que sabem conduzir sua vida com equilíbrio e sabem controlar sua natural tendência a culpas. Ou seja, aquela que quando tem que comer, come com vontade (a dieta virá em Setembro, não antes; quando tem que fazer dieta, faz dieta com vontade (não se saboteia e não sofre); quando tem que ter intimidade com o parceiro, tem com vontade; quando tem que comprar algo que goste, compra; quando tem que economizar, economiza.
Algumas linhas no rosto, algumas cicatrizes no ventre, algumas marcas de estrias não lhes tiram a beleza. São feridas de guerra, testemunhas de que fizeram algo em suas vidas, não tiveram anos 'em formol' nem em spa... viveram!
O corpo da mulher é a prova de que Deus existe. É o sagrado recinto da gestação de todos os homens, onde foram alimentados, ninados e nós, sem querer, as enchemos de estrias, de cesarianas e demais coisas que tiveram que acontecer para estarmos vivos.
Cuidem-no! Cuidem-se! Amem-se!
A beleza é tudo isto.
Paulo Coelho

Agora em modo de conclusão fica aqui apenas um comentário; estive para comprar uns livros noutro dia, nomeadamente um de Paulo Coelho e desisti depois de ver os preços, é fenomenal no nosso país como as coisas que deveriam ser quase gratuitas têm preços exorbitantes e vamos a um restaurante ou a um centro estético e comparado não é assim tão caro. Depois perdemos a oportunidade de mergulhar nesta magníficas aventuras que os livros nos proporcionam.

7 comentários:

Anónimo disse...

Belo hino à Mulher, efectivamente o mais belo Ser à face da terra.
Felizmente que existem algumas "Aves Raras" que fogem à regra, para nos fazer ver, a nós homens, e se calhar ainda mais às mulheres, sempre tão atentas ao Je ne sais quoi das suas congéneres, o quão belas e fantásticas são, por muitas "plásticas" que consigam inventar e argumentar para seus corpos.
Acredita(em), és(são) muito mais bonita(s) e interessante(s) que nós, os Gajos :)
kiss

Guilherme Faro disse...

Aninhaaaaa!! Realmente Deus fez a coisa mais bela e gostosa (com todo respeito): a MULHER. Vocês são um mal necessário. Confessando... ahahah nós, homens, não seríamos nada sem vocês. Tem um jornalista/cineasta brasileiro, Arnaldo Jabour, que retratou muito bem a mulher. Vou procurar o texto dele e posto aqui.

Beijos titia Ana

Guilherme Faro disse...

Aqui está o texto de Arnaldo Jabour. É um texto informal, mas retrata muito bem a mulher.
Assino embaixo em tudo que ele diz.

As mulheres (segundo Arnaldo Jabor)

"O cara faz um esforço desgraçado para ficar rico pra que? O sujeito quer ficar famoso pra que? O indivíduo malha, faz exercícios pra que? A verdade é que é a mulher o objetivo do homem. Tudo que eu quis dizer é que o homem
vive em função de você. Vivem e pensam em você o dia inteiro, a vida inteira. Se você, mulher, não existisse, o mundo não teria ido pra frente. Homem algum iria fazer alguma coisa na vida para impressionar outro homem, para
conquistar um sujeito igual a ele, de bigode e tudo. Um mundo só de homens seria o grande erro da criação. Já dizia a velha frase que "atrás de todo homem bem-sucedido existe uma grande mulher". O dito está envelhecido. Hoje eu diria que "na frente de todo homem bem-sucedido existe uma grande mulher". É você, mulher, quem impulsiona o mundo. É você quem tem o poder, e não o homem. É você quem decide a compra do apartamento, a cor do carro, o filme a ser visto, o local das férias. Bendita a hora em que você
saiu da cozinha e, bem-sucedida ficou na frente de todos os homens. E, se você que está lendo isto aqui for um homem, tente imaginar a sua vida sem nenhuma mulher. Aí na sua casa, onde você trabalha, na rua. Só homens. Já
pensou? Um casamento sem noiva? Um mundo sem sogras? Enfim, um mundo sem metas.

ALGUNS MOTIVOS PELOS QUAIS OS HOMENS GOSTAM TANTO DE MULHERES:

1- O cheirinho delas é sempre gostoso, mesmo que seja só xampu.
2- O jeitinho que elas tem de sempre encontrar o lugarzinho certo em nosso ombro.
3- A facilidade com a qual cabem em nossos braços.
4- O jeito que tem de nos beijar e, de repente, fazer o mundo ficar perfeito.

5- Como são encantadoras quando comem.
6- Elas levam horas para se vestir, mas no final vale a pena.
7- Porque estão sempre quentinhas, mesmo que esteja fazendo trinta graus abaixo de zero lá fora.
8- Como sempre ficam bonitas, mesmo de jeans com camiseta e rabo-de-cavalo.
9- Aquele jeitinho sutil de pedir um elogio.
10- Como ficam lindas quando discutem.
11- O modo que tem de sempre encontrar a nossa mão.
12- O brilho nos olhos quando sorriem.
13- Ouvir a mensagem delas na secretária eletrônica logo depois de uma briga horrível.
14- O jeito que tem de dizer "Não vamos brigar mais, não.."
15- A ternura com que nos beijam quando lhes fazemos uma delicadeza.
16- O modo de nos beijarem quando dizemos "eu te amo".
17- Pensando bem, só o modo de nos beijarem já basta.
18- O modo que têm de se atirar em nossos braços quando choram.
19- O jeito de pedir desculpas por terem chorado por alguma bobagem.
20- O fato de nos darem um tapa achando que vai doer.
21- O modo com que pedem perdão quando o tapa dói mesmo (embora jamais admitamos que doeu).
22- O jeitinho de dizerem "estou com saudades".
23- As saudades que sentimos delas.
24- A maneira que suas lágrimas tem de nos fazer querer mudar o mundo para que mais nada lhes cause dor. Isso não é uma corrente, apenas mande para todas as mulheres de sua lista para elas perceberem o quanto são importantes
e para os homens, para que eles lembrem o quanto vocês são essenciais!!! "

Beijo

ALFF disse...

Gui mal necessário são vocês!

Conta outra...

E eu ainda não sou Titia, é mais primita :D

Sim porque o Alexandre não é meu irmão, vê se bem que foste pro sambódromo ihihihihhihihihi

André disse...

Realmente um texto bonito e com uma dedicatória muito verídica à mulher.
Quanto aos preços dos livros e de tudo o resto, infelizmente estamos num país onde todos querem encher os bolsos e não se dá qualquer prioridade a coisas básica e essenciais como a educação, a cultura e o Saber.

ALFF disse...

Ah Gui aposto que um dos milhares de Gays que você tem aí nessa sua cidade não concorda com tudo desse texto :D

Tá muito legal, mas isto apenas se sente quando se ama, senão não há essa de que tudo fica bem...

Eu só quando alguém me escrever ou disser isso decorado na ponta da língua é que vou acreditar em tamanha engraxadela ihihhiihhihi

Guilherme Faro disse...

Hahahhah ANinha, troquei as bolas. PRIMA e não TIA. hahahha Desculpa.

Quanto ao "mal necessário", vocês são, sim, um mal necessário!!! ahahah Pois vocês podem ser a desgraça de um homem ou o paraíso. Eu estou no paraíso e espero ficar por aqui mesmo. ahahhah
Quanto aos gay... eu só tenho a lamentar... ahha eles estão perdendo a coisa mais bela e gostosa que foi "inventado". ahahaahahaha

beijos titia.... quer dizer, priminha! ahahaha